Você esta em: Fatos&Fotos » Emagrecer »

Publicidade


Óleos Essenciais: como usar???

O uso dos óleos essenciais para fins medicinais é conhecido desde a remota antiguidade.
Há registros pictóricos de seis mil anos atrás, entre os egípcios, de práticas religiosas associadas à cura de males através dos aromas. Já na China e Índia as substâncias aromáticas também eram populares centenas de anos antes da era cristã, quando eram utilizadas em incensos, porções e vários outros tipos de acessórios. Mas foi só a partir da Idade Média, com o processo de destilação introduzido pelos cientistas muçulmanos, que se iniciou a real comercialização dos materiais aromáticos bem como o seu estudo. Era o pontapé da “revolução” nesta área. Logo começaram a surgir os primeiros livros sobre o uso médico das ervas medicinais e seus óleos, criou-se o termo “Aromaterapia”, as técnicas de destilação se renderam a tecnologia e passamos a nos surpreender, dia após dia, com as recentes descobertas que tratam dos poderes da natureza em benefício do ser humano.

A aromaterapia, basicamente, procura transmitir toda a energia (a força vital da planta) concentrada nos óleos essenciais ao paciente. Afinal, esta energia pode atuar positivamente sobre o nosso corpo e mente, trazendo bem estar geral e melhorando a nossa qualidade de vida. Mas é imprescindível alertar que o tratamento terapêutico utilizando os óleos essenciais deve sempre ser administrado por um profissional da área, capaz de avaliar e acompanhar o quadro de cada paciente – levando em consideração seus aspectos físicos, mentais e emocionais. Neste sentido, os óleos essenciais são comumente empregados de três formas distintas: por inalação, absorção pela pele ou ingestão.

Inalação

É considerada a forma mais segura de utilização dos óleos essenciais. Aqui uma parte do aroma inalado vai para os pulmões via traquéia, penetra nos brônquios, bronquíolos e alvéolos e passa para a corrente sangüínea nas trocas gasosas. Em paralelo, a outra parte do aroma vai ate o cérebro e estimula determinadas áreas do sistema límbico e do hipotálamo, que controlam a maioria das funções vegetativas e endócrinas do corpo. Há dois tipos: a inalação direta e a indireta. A inalação direta é utilizada no tratamento de problemas específicos do aparelho respiratório, como asma, bronquite, sinusite, etc. Neste caso, pode-se empregar de 6-15 gotas de óleo em um vaporizador de ambientes a quente ou de 1-2 gotas em um lenço. Já a inalação indireta visa trabalhar o emocional (o psicológico) através dos aromas. Aqui se costuma utilizar de 6-15 gotas em um difusor de aromas de vela/lâmpada ou elétrico.

Curiosidades:

1) a absorção de um óleo essencial depende do tamanho da molécula, da sua polaridade e da sua solubilidade. Assim, os monoterpenos, por serem de tamanho menor, são mais rapidamente absorvidos em relação aos sesquiterpenos.

2) cerca de 2% a 3% do código genético humano está ligado ao olfato, o que explica o nosso reconhecimento e rememoração para aproximadamente 10 mil odores diferentes.

Absorção pela pele

Na aromaterapia a via de administração mais utilizada é a cutânea, pois além da ação farmacológica das substâncias que compõem o óleo, a massagem por si só já traz claros benefícios ao paciente. No entanto, é imprescindível saber fazer a diluição do óleo essencial nos óleos carreadores para se obter uma boa ação terapêutica. Vejamos alguns exemplos, assumindo que 1 ml de óleo equivale a 22 gotas.

Diluição 1% – usada para óleos de aroma muito forte ou caros como jasmim, neroli e rosas.
1 colher de sopa de óleo carreador – cerca de 1-2 gotas de óleo essencial;
50 ml ou 50 gramas – 11 gotas ou 0,5 ml de óleo essencial;
100 ml ou 100 gramas – 22 gotas ou 1 ml de óleo essencial;
250 ml ou 250 gramas – 55 gotas ou 2,5 ml de óleo essencial.

Diluição 2% – usada para peles muito sensíveis e com tendência alérgica (tipo de bebês). Também é empregada para óleos caros e fortes.
1 colher de sopa de óleo carreador – cerca de 2-3 gotas de óleo essencial;
50 ml ou 50 gramas – 22 gotas ou 1 ml de óleo essencial;
100 ml ou 100 gramas – 44 gotas ou 2 ml de óleo essencial;
250 ml ou 250 gramas – 110 gotas ou 5 ml de óleo essencial.

Diluição 3% – comumente usada na massagem aromaterápica para melhor ação medicinal.
1 colher de sopa de óleo carreador – cerca de 5-6 gotas de óleo essencial;
50 ml ou 50 gramas – 33 gotas de óleo essencial;
100 ml ou 100 gramas – 66 gotas de óleo essencial;
250 ml ou 250 gramas – 165 gotas de óleo essencial.

Diluição 5% – usada em problemas agudos como dores e inflamações sérias.
1 colher de sopa de óleo carreador – cerca de 9-10 gotas de óleo essencial;
50 ml ou 50 gramas – 55 gotas ou 2,5 ml de óleo essencial;
100 ml ou 100 gramas – 110 gotas ou 5 ml de óleo essencial;
250 ml ou 250 gramas – 275 gotas ou 12,5 ml de óleo essencial.

PS: alguns óleos essenciais conseguem penetrar nas camadas da pele e atingir a circulação sanguínea com grande facilidade. Por esta razão, há diversas pesquisas no sentido de utilizá-los como “facilitadores” do transporte de medicamentos. Por exemplo, estudos comprovaram que o componente 1,8-cineol, presente nos óleos essenciais de citronela e eucalipto globulus, aumentou em 95% a capacidade de penetração cutânea de alguns medicamentos alopáticos.

Uso oral ou ingestão

É a forma de utilização que permite uma ação mais rápida, mas que também oferece maiores riscos de intoxicações, sendo indispensável, nesse caso, a supervisão de um especialista para se evitar efeitos e reações indesejáveis. Por exemplo: o óleo essencial de erva de Santa Maria (Chenopodium ambrosioides) contém ascaridol – um componente que pode matar mesmo em pequenas doses.

Regras gerais

1 – manter os óleos essenciais fora do alcance das crianças e animais;
2 – não ingerir qualquer óleo essencial sem a orientação de um profissional habilitado;
3 – não utilizar óleos essenciais puros diretamente sobre a pele;
4 – durante a gravidez, diversos óleos essenciais devem ser evitados;
5 – óleos essenciais cítricos são fotossensíveis, portanto deve-se evitar a exposição ao sol após seu uso;
6 – epilépticos devem administrar os óleos essenciais com extremo cuidado;
7 – alguns óleos são incompatíveis com certos medicamentos homeopáticos, principalmente aqueles que contém cânfora e mentol em suas composições;
8 – evitar o uso prolongado de um óleo essencial

Fim!
Artigo escrito por Wagner Azambuja
Excelente, parabéns!!! :-)

Emagrecer: não existe milagre, feche a boca!

Desde pequena vivenciei problemas com peso, o efeito sanfona sempre foi constante em minha vida e confesso que não me animei muito com o produto, já que foram tantas as decepções ao longo dos meus 27 anos que mesmo lendo a pesquisa e sabendo que a empresa dava garantia não consegui pensar positivamente.
Mesmo assim fiz o pedido do produto comecei a tomar diariamente.

Na primeira semana o efeito foi visível, sem mudar em nada meus hábitos alimentares e rotina diária, perdi 4 quilos, quase não acreditei e foi ai que comecei a levar a coisa a sério. Na quarta semana me sentia uma nova mulher, comecei a usar roupas que até então viviam guardadas no armário. Ao todo foram 11 quilos perdidos e muita disposição ganha, meu médico quase não acreditou quando me viu.

De tudo que aconteceu, acho que o melhor efeito foi o bem estar físico (me sinto 10 anos mais nova) e psicológico (quando os homens me olham na rua) que ele me proporcionou, foi uma limpeza interior, algo que me fez renascer, não sei explicar, acho que só quem sofre com problemas de peso pode entender o bem estar de se sentir magra e saudável, se olhar no espelho e gostar do que está vendo não tem preço.

(email enviado por Tatiana Figueiredo)

X-DKIM: OpenDKIM Filter v2.4.1 site141.dicadeamigos.com E3EC0B69A36CE
DKIM-Signature: v=1; a=rsa-sha256; c=relaxed/relaxed; d=dicadeamigos.com;
s=default; t=1316112499;
bh=zJ/xx2laV0M0pfImvVo0ZkIxSvH7jv6+pNJQpAkKZNY=;
h=From:To:List-Unsubscribe:Subject:Date:MIME-Version:Content-type:
Content-Description:Message-Id;
b=q+KIk+H1HEdt3jFIWpfsahasiRB7menK/2i01Kir9BwXSEdKhVfVwLz1O41+FiC3y
Cj5/MUUen2yqtg197B96azDkjCIIjyXTbmZ8sNNcFNzIDkr24sVc9mFtndKAQsKgcG
3yujKTve2EzQ88HZgc2ZwFwzLOEObiF/T1QsPIVc=
Received: from tatiana.dicadeamigos.com
by site141.dicadeamigos.com (Postfix) with ESMTPA id CDBD1B69A35CC
for ; Thu, 15 Sep 2011 15:48:19 -0300 (BRT)
From: Tatiana Figueiredo

Como já disse, tudo conversa fiada!!! :-)

Fernanda Cardoso vem aí!


Mudando de copa prá capa:
FERNANDA CARDOSO (ex-BBB) posou para “plástica&forma” antes de dar início a novas cirurgias plásticas.
Meu São Benedito, como será que ela vai ficar??? :-)

Ex de Diego Maradona só de calcinha no Rio de Janeiro

ANÁLIA SARQUES, modelo argentina e ex-namorada del “pibe” Don Diego Maradona, está passando alguns dias no Rio de Janeiro. No último dia 09 (terça feira) ela esteve na praia (Barra da Tijuca) e pintou os canecos, fazendo topless e outros babados.
Por lo visto, la “xica” tambien está meio gorduxinha!!! :-)

Pang Ya tem 2 anos e pesa 41,5 kilos


Esta menina chinesa de nome Pang Ya, tem 2 anos e já pesa 41,5 kg. Ela nasceu com 4 kg e desde então não parou mais de engorar, atingindo 20 kilos aos 8 meses de idade.
Infelizmente, os médicos ainda não conseguiram descobrir as causas da sua doença. :-(
(g1)

Mi Arde O Ôi (We Are The World)

Clipe da paródia de Jorge Cosmo com a dupla Vira & Mexe, versão brasileira para a música We Are The World, de Michael Jackson e Lionel Ritchie.
Mi arde o ôi, mi arde o ôi… simplesmente genial!!! :-)

Óleos Essenciais em doses homeopáticas

Para quem está iniciando em aromaterapia, o aconselhado é não misturar mais de três ou quatro óleos ao mesmo tempo. (QUINARÍ)

Durante o processo de destilação da camomila-alemã, a matricina se converte em camazuleno (um antiinflamatório). (QUINARÍ)

A biossíntese das moléculas constituintes da planta pode ter alteração conforme o quimiotipo e o geotipo das mesmas. (QUINARÍ)

Pesquisas indicam que o óleo de semente de abóbora possui efeitos positivos no tratamento de problemas da vesícula. (QUINARÍ)

O óleo carreador de abacate é derivado da polpa do fruto e não do caroço, pois o óleo presente no caroço é tóxico. (QUINARÍ)

Os óleos carreadores, quando passam pelo processo de refino, perdem a maioria de suas propriedades. (QUINARÍ)

Os óleos carreadores podem ser refinados ou não-refinados, o que interfere em suas propriedades terapêuticas. (QUINARÍ)

Os óleos carreadores não podem ser obtidos por destilação, mas pela prensagem de sementes, nozes e amêndoas. (QUINARÍ)

The base notes are heavy and rich. They contribute na anchoring effect to the blend. (QUINARÍ)

The middle notes contribute body, warmth and fullness to the blend. Their aromas linger longer. (QUINARÍ)

The top notes are light, fresh, citrus or green. They contribute a bright and uplifting element, but they are most volatile. (QUINARÍ)

Essential oils are roughly classifield into groups of top, middle and base notes. (QUINARÍ)

Para se obter 1 kg do óleo essencial de rosas, utiliza-se de 1 a 3 toneladas de pétalas. (QUINARÍ)

Para se conseguir 1 litro de óleo essencial de Eucalipto globulus são necessários aproximadamente 30 kg de folhas. (QUINARÍ)

A camomila alemã apresenta maior teor de alpha-bisabolol quando colhida pela manhã. (QUINARÍ)

O aroma dos óleos essenciais se modifica pela ação do ar e da luz, tornando-se menos agradável. (QUINARÍ)

Afirma-se que o óleo essencial de eucalipto globulus tem atividade anti-séptica maior do que seu principal constituinte isolado. (QUINARÍ)

O óleo essencial de cardamomo é um dos mais antigos em uso, pois sua técnica de destilação foi publicada em 1540. (QUINARÍ)

O óleo essencial de priprioca possui um dos perfumes mais sofisticados, com suas notas florais e amadeiradas ao mesmo tempo. (QUINARÍ)

No Brasil, a Natura lançou o Perfume do Brasil, com óleo essencial de priprioca na sua base. (QUINARÍ)

O óleo essencial de goiaba é obtido a partir da folha, sendo amarelo-claro e com cheiro frutal semelhante ao da fruta. (QUINARÍ)

O óleo essencial de pitanga apresenta uma coloração azulada e seu principal componente é o curzereno. (QUINARÍ)

O óleo essencial de canela faz parte da composição dos refrigerantes tipo “cola”, tais como Coca-Cola e Pepsi. (QUINARÍ)

O óleo da casca de canela é considerado o mais poderoso dentre os óleos no quesito anti-séptico. (QUINARÍ)

O óleo essencial de canela pode ser obtido tanto das cascas como das folhas, mas suas composições são distintas. (QUINARÍ)

O perfume clássico Rondeletia é baseado na combinação dos óleos essenciais de cravo e lavanda. (QUINARÍ)

A Ginger Ale, bebida não alcoólica popular na América do Norte, leva óleo essencial e óleo-resina de gengibre em sua composição. (QUINARÍ)

A principal aplicação do óleo essencial de erva cidreira está como precursor natural de vitamina A. (QUINARÍ)

O óleo essencial de anis estrela possui um forte odor de anetol, tal qual o próprio anis. (QUINARÍ)

O óleo essencial de anis é um dos componentes mais importantes do “raki”, a bebida nacional da Turquia. (QUINARÍ)

O odor do óleo essencial de camomila azul é quase intoxicante e pode variar com o passar do tempo. (QUINARÍ)

O perfume Portinari, do Boticário, contém óleo essencial de manjericão em sua composição. (QUINARÍ)

O óleo essencial de funcho é comumente adulterado com anetol sintético, o que dificulta a identificação do falso/verdadeiro. (QUINARÍ)

O óleo essencial de erva doce é praticamente composto de puro anetol, com traços de limoneno e felandreno. (QUINARÍ)

O maior produtor e consumidor de óleo essencial de endro são os Estados Unidos, que o usam na indústria de picles. (QUINARÍ)

O óleo essencial de louro brasileiro possui o cineol como principal componente, ao contrário do óleo chinês que é rico em eugenol. (QUINARÍ)

O óleo essencial de louro combina bem com azeite de oliva, compondo uma mistura bastante rica. (QUINARÍ)

O óleo essencial de sálvia é tradicionalmente usado para recuperar a perda do apetite, em casos de diarréia, gastrite, etc. (QUINARÍ)

O carvacrol é um poderoso antioxidante, o que ajuda a preservar os alimentos e a prevenir o envelhecimento precoce da pele. (QUINARÍ)

O óleo essencial de tomilho vermelho é extremamente tóxico e por isso só deve ser manipulado por profissionais. (QUINARÍ)

O perfume Ops!, do Boticário, contém óleo essencial de coentro (coriandro) em sua composição. (QUINARÍ)

O LISTERINE e o Vick VapoRub contêm timol (do óleo essencial de tomilho) em suas composições. (QUINARÍ)

As pastilhas Valda contém mentol, timol e eucaliptol dos óleos de menta, tomilho e eucalipto respectivamente. (QUINARÍ)

O óleo essencial de manjerona é amarelado, com odor picante, canforáceo e amadeirado, semelhante ao cardamomo. (QUINARÍ)

Aromatherapy is a form of alternative medicine, in which healing effects are ascribed to the aromatic compounds in essential oils. (QUINARÍ)

Essential oils are usually lipophilic compounds that usually are not miscible with water. (QUINARÍ)

Because of their concentrated nature, essential oils generally should not be applied directly to the skin. (QUINARÍ)

Essential oils should be blended with a vegetable-based “carrier” oil (or “fixed” oil) before being applied. (QUINARÍ)

Some essential oils, including many of the citrus peel oils, are photosensitizers, increasing the skins vulnerability to sunlight. (QUINARÍ)

Estrogenic and antiandrogenic activity have been reported by in vitro study of tea tree oil and lavender essential oils. (QUINARÍ)

Some common essential oils such as Eucalyptus are toxic internally. (QUINARÍ)

Many men do enjoy the aroma and therapeutic benefits of some of the florals, particularily lavender, neroli and jasmine. (QUINARÍ)

Patchouli, Sandalwood, Bay, Cypress, Ginger, Vetiver, and the citrus oils are oils that are the most strongly favored by men. (QUINARÍ)

O óleo essencial de bergamota estimula o entusiasmo, ideal para um dia especial, como uma festa ou um jantar. (QUINARÍ)

O óleo essencial de alecrim auxilia na concentração, portanto é indicado para os momentos de trabalho e estudo. (QUINARÍ)

O óleo essencial de lavanda é indicado para combater a insônia, depressão, cansaço e tensão. Basta uma gota no travesseiro! (QUINARÍ)

O óleo essencial de guaco contém cumarina, uma substância que já foi muito utilizada para aromatizar produtos industrializados. (QUINARÍ)

O óleo essencial de capim cidreira apresenta mirceno em sua composição, um composto de ação sedativa bastante interessante. (QUINARÍ)

O óleo essencial extraído da Melaleuca alternifolia é muito eficaz como agente antibacteriano e antifúngico. (QUINARÍ)

Até o início da década de 90, o Brasil era o maior produtor mundial de safrol quando obtinha o produto da Canela de Sassafrás. (QUINARÍ)

O estado de Santa Catarina foi o maior produtor brasileiro de óleo essencial de sassafrás, seguido do Rio Grande do Sul e Paraná. (QUINARÍ)

Hoje os grandes produtores de safrol são China e Vietnã. (QUINARÍ)

Hoje há restrições do IBAMA quanto ao corte do Pau Rosa e quase todo óleo essencial produzido acaba sendo exportado. (QUINARÍ)

O óleo essencial de manjericão vem despertando o interesse de diversas empresas por apresentar um alto teor de linalol. (QUINARÍ)

Segundo pesquisas, o d-limoneno é capaz de dissolver cálculos de colesterol na vesícula e descongestionar o fígado. (QUINARÍ)

O d-limoneno é um tipo de monoterpeno encontrado na casca das frutas cítricas. (QUINARÍ)

O óleo essencial de Junípero é extraído por destilação a vapor das bagas desidratadas da árvore Juniperus communis. (QUINARÍ)

O óleo essencial de canela pode ser extraído tanto das cascas como das folhas. (QUINARÍ)

O óleo essencial de cardamomo é o mais aromático dos óleos obtidos a partir de sementes. (QUINARÍ)

O óleo essencial de cardamomo é um dos mais antigos em uso, tendo sua técnica de destilação publicada em 1540. (QUINARÍ)

O valor comercial do óleo essencial de carqueja varia de acordo com os teores de nerolidol e acetato de carquejila. (QUINARÍ)

Para se fazer 1 quilo do óleo essencial de Neroli são necessárias aproximadamente 2 toneladas de flores da laranjeira amarga. (QUINARÍ)

A grosso modo, segue alguns números da fabricação da Heliotropina Cristalizada obtida á partir do óleo essencial de sassafrás. (QUINARÍ)

Destila-se o óleo essencial de sassafrás e passa para o safrol, obtendo-se 0,5kg de safrol para 1 kilo de óleo destilado (QUINARÍ)

Destila-se o Safrol, passando para o Isosafrol, com uma proporção aproximada de 1kg para 0,75 kg de Isosafrol. (QUINARÍ)

Do Isosafrol obtem-se a heliotropina cristalizada, que corresponde a um rendimento de +/-50% do óleo essencial de sassafrás. (QUINARÍ)

Além do óleo essencial de sassafrás, utiliza-se enxofre, isopropanol, oxigênio e etc (QUINARÍ)

A Takasago (Japão) já foi o maior fabricante mundial de Heliotropina. (QUINARÍ)

Existem poucos produtores de Heliotropina, entre eles a Geroma do Brasil, ligada a Destilaciones Bordas, sede em Sevilha, Espanha. (QUINARÍ)

Dependendo da qualidade da árvore canela sassafrás, com 1 m3 se obtem cerca de 6 a 8 kilos de Óleo Essencial de Sassafrás. (QUINARÍ)

Portanto, seria preciso algo em torno de 25/33 m3 da árvore para se obter 1 tambor de 200 litros do Óleo Essencial de Sassafrás. (QUINARÍ)

The major component of Rosewood oil is linalol. (QUINARÍ)

The Brazilian rosewood (Bois de Rose) oil of commerce is distilled from the comminuted trunk wood of Aniba roseadora. (QUINARÍ)

For skin, the application of Camellia oil can result in nourishing the cells membranes, accelerating skin rejuvenation. (QUINARÍ)

Camellia oil offers a low level of unhealthy saturated fats and a healthy level of polyunsaturated fats. (QUINARÍ)

Today, Camellia oil is making a strong emergence in western industries ranging from cosmetics to dietary. (QUINARÍ)

Camellia oil is China’s oldest known oil for cooking and skin treatments. (QUINARÍ)

750 kilos of seed will yield 300 litres of Camellia oil. (QUINARÍ)

Approximately 45% of the Camellia seed is extracted as oil (a higher yield than olive oil). (QUINARÍ)

Once the Aloe Vera gel has dried on the skin a protective cover is created that helps keep moisture locked in. (QUINARÍ)

After sun exposure, you can relieve mild, moderate and severe sunburn by direction application of Aloe Vera. (QUINARÍ)

Reduce the swelling of skin and muscles by applying Aloe Vera gel directly to the affected area. (QUINARÍ)

Aloe Vera gel is very popular as a healing treatment for minor skin irritations, abrasions, burns and ulcers. (QUINARÍ)

Aloe Vera has been a fundamental plant used medicinally and cosmetically by many different cultures throughout the ages. (QUINARÍ)

Aloe Vera’s list of constituents is extremely long but some of the key features are vitamins A, B1, B2, B3, B6 and B12. (QUINARÍ)

The protein found in Aloe Vera contains high level of essential amino acids, thus it is of great benefit to building healthy skin. (QUINARÍ)

O nome químico da Heliotropina é Aldeído Dioximetilenoprotocatéquico, principal matéria prima na fabricação de fixador p/perfume. (QUINARÍ)

O sabonete líquido Palmolive Aromatherapy Relax contém óleo essencial de lavanda e ylang ylang! Experimente! (QUINARÍ)

Os óleos essenciais promovem o relaxamento, o equilíbrio da mente e o melhor funcionamento dos sistemas do corpo humano. (QUINARÍ)

O safrol é um componente utilizado pela indústria como matéria prima na manufatura de heliotropina e butóxido de piperolina. (QUINARÍ)

O óleo essencial de jasmim é extraído por um processo artesanal muito antigo chamado “enfleurage”. (QUINARÍ)

O eucaliptol é muito procurado pela indústria farmacêutica para a fabricação de pastilhas contra dores de garganta e tosse. (QUINARÍ)

Para se obter 1 litro de óleo essencial de limão são necessárias as cascas de aproximadamente 2.500 limões. (QUINARÍ)

O óleo essencial de coentro, obtido das sementes, vem sendo muito utilizado para mascarar o gosto ruim de alguns remédios. (QUINARÍ)

O d-limoneno é um monoterpeno encontrado na casca das frutas cítricas e no óleo essencial de limão, seu teor varia entre 65-70%. (QUINARÍ)

O Óleo Essencial de Pimenta Longa contém alto teor de safrol, por esta razão é o substituto natural do Óleo Essencial de Sassafrás.(QUINARÍ)

Hidrolato nada mais é do que a água odorizada, um subproduto da destilação. (QUINARÍ)

O cuminal, presente no óleo de cominho, e o anetol, integrante do óleo de anis, possuem propriedades carminativas. (QUINARÍ)

Alguns trabalhos sinalizam atividades hipnóticas ao linalol, principal componente do óleo essencial de pau-rosa. (QUINARÍ)

O mentol, principal componente do óleo essencial de menta arvensis, é capaz de aliviar dores de cabeça. (QUINARÍ)

O eugenol, presente no óleo essencial de manjericão e cravo, é muito eficaz no combate a dores de origem dentária. (QUINARÍ)

Os óleos ricos em cineol, tais como o de eucalipto globulus, alecrim ou louro, apresentam forte propriedade expectorante. (QUINARÍ)

O óleo essencial de citronela contém citronelal, o que explica sua ação repelente. (QUINARÍ)

O óleo essencial de tomilho contém carvacrol e timol, dois componentes com poderosa ação antibacteriana. (QUINARÍ)

Os óleos essenciais das folhas estão normalmente contidos em glândulas oleíferas, que se rompem com facilidade. (QUINARÍ)

A aplicação de óleo essencial em alta concentração provoca efeitos indesejados, tais como a destruição das membranas celulares. (QUINARÍ)

Os óleos carreadores são ricos em emolientes e ácidos graxos essenciais, dos tipos ômega 3, 6 e 9. (QUINARÍ)

O óleo essencial de gengibre tem maior poder antioxidante do que o BHT, os aditivos antioxidantes de referência no mercado. (QUINARÍ)

Sabe-se que alguns óleos essenciais bloqueiam a liberação de ACTH (Hormônio adrenocorticotrófico), o hormônio do stress. (QUINARÍ)

NA AROMATERAPIA O PRAZER FAZ PARTE DO TRATAMENTO: ela anima, inspira e alivia. (QUINARÍ)

A deterioração do óleo essencial não afeta somente seu odor e sabor, mas também suas propriedades terapêuticas. (QUINARÍ)

Armazene seu óleo essencial em frascos de vidro, tipo âmbar para bloquear a incidência de luz. (QUINARÍ)

Os óleos essenciais reagem com embalagens plásticas e são oxidados em contato com o oxigênio do ar. (QUINARÍ)

Os óleos essenciais, apesar de oleosos, evaporam-se com certa facilidade em temperatura ambiente. Portanto cuidado! (QUINARÍ)

Rosa centifolia solvent extracted Rose Maroc produces a higher yield and offers a sweet, honey-like, herbal, rose odour. (QUINARÍ)

Essential oils are volatile and liquid aroma compounds from natural sources, usually plants. (QUINARÍ)

How do you feel today? Meditation blend: cedarwood, lavender, lemon, frankincense and rosemery. (QUINARÍ)

O óleo essencial de Mentha arvensis contém alto teor de mentol, um componente bastante utilizado em vários produtos farmacêuticos. (QUINARÍ)

A aromaterapia, basicamente, procura transmitir toda a energia concentrada nos óleos essenciais ao “paciente”. (QUINARÍ)

Os óleos carreadores (vegetais), são utilizados para veicular os óleos essenciais, seja para ingestão, massagem ou fim cosmético. (QUINARÍ)

O óleo essencial de alho não é lacrimejante, mas seu cheiro é tão forte que afugenta até os maiores entusiastas do alho. (QUINARÍ)

O óleo essencial de pau rosa contém alto teor de linalol, um dos componentes do famoso perfume CHANEL N 5 da atriz Marilyn Monroe. (QUINARÍ)

O óleo essencial de tomilho é rico em timol, uma substância muito utilizada em desinfetantes bucais e pomadas descongestionantes. (QUINARÍ)

O óleo essencial de poejo contém pulegona, uma substância tóxica que provoca irritações no útero. Muito cuidado! (QUINARÍ)

O óleo essencial de benjoim é um ótimo conservante, pois aumenta a vida de qualquer óleo vegetal em vários meses. (QUINARÍ)

Ground Wattleseed is a superb exfoliant for both the body and the face. (QUINARÍ)

Acacia victoriase is well adapted desert plant with the ability to produce its own fertiliser from nitrogen in the air. (QUINARÍ)

Natural and organic products are the hottest topics of discussion in the cosmetics industry around the world. (QUINARÍ)

How did you feel when you woke up? Positivity blend: grapefruit, lime, lavender, marjoram sweet, lotus pink absolute and rose! (QUINARÍ)

O óleo essencial de camomila azul tem alto poder antiinflamatório devido à presença das substâncias camazuleno e alpha-bisabolol. (QUINARÍ)

In the Chamomile German Blue oil there are a lot of substances that reduces inflammations! It’s a powerful anti-inflammatory! (QUINARÍ)

Love blend: lavender, mandarin, patchouli, peru balsam and rose. Can you try? It’s really hot…(QUINARÍ)

According to studies, black pepper essential oils make us stop to smoking! What do you think? (QUINARÍ)

De acordo com estudos, o óleo essencial de pimenta preta ajuda a reduzir a dependência do tabaco. (QUINARÍ)

Christmas blend: clove leaf, orange sweet and cinnamon bark. It’s the best blend oil to use on the next month. (QUINARI)

Óleo essencial de Zimbro vem das bagas da árvore do Junípero. Ele está na composição de vários cremes que reduzem celulites. (por QUINARÍ)

O óleo essencial de neroli é obtido a partir da flor da laranjeira amarga. Na pele, ajuda a eliminar os cravos e as espinhas. (por QUINARÍ)

A melhor e maior variedade de óleos essenciais está apenas a UM clique de distância!
Conheça a loja virtual da QUINARÍ e surpreenda-se!

(Crédito) frases retiradas do twitter da QUINARÍ http://twitter.com/oleosessenciais

Óleos Carreadores Vegetais


Os óleos carreadores, também chamados de óleos vegetais ou fixos, são utilizados para veicular os óleos essenciais, seja para ingestão, odorização ambiental, massagem ou fim cosmético. Ou seja, são óleos que, dentre outros fins, servem para diluir os óleos essenciais uma vez que sua aplicação de forma pura pode provocar diversos problemas (por exemplo: intoxicação, irritação da pele, etc.). Os óleos carreadores podem ser obtidos por pressão a frio ou extraídos por solvente. Na primeira técnica, as sementes são espremidas por uma prensa – o que expulsa o óleo para um recipiente. É o método que retém boa parte das propriedades terapêuticas das sementes, muitas vezes destruídas durante o processo de refino. Já na segunda técnica a polpa é saturada com um solvente (usualmente hexano) que dissolve a maior parte do óleo presente na polpa. A massa resultante é então filtrada e o solvente evaporado por aquecimento.

Os óleos carreadores são ricos em emolientes (substâncias que ajudam a proteger a pela da perda excessiva de umidade) e ácidos graxos saturados e insaturados. Os ácidos graxos saturados, nesse caso, são representados pelos ácidos esteárico, palmítico, láurico e mirístico e os insaturados pelos ácidos oléico, linoléico e linolênico. Os insaturados são os mais interessantes do ponto de vista nutricional e para o tratamento de pele, porém, são mais reativos com o oxigênio (passíveis de oxidação) – processo químico conhecido por “ranço” e que diminui a vida de prateleira (shelf life) desses óleos. No entanto, vale lembrar que diversos óleos essenciais contêm antioxidantes – o que prolonga a vida de prateleira dos óleos vegetais e age contra os radicais livres. Por exemplo: foi comprovado que adicionando 0,2% de óleo essencial de alho (antioxidante) no óleo vegetal de amendoim é possível aumentar a vida de prateleira desse óleo em 24,3 meses (a 20º C).

Os principais óleos carreadores para uso alimentício e cosmético

Óleo de Amendoim: cerca de 82% dos ácidos graxos são insaturados, tais como o ácido oléico e linoléico. Apenas 11% são representados pelos ácidos esteárico e palmítico, saturados. O óleo de amendoim pode ser ingerido ou utilizado em massagens relacionadas à artrite, preferencialmente em peles secas. No entanto, trata-se de um óleo que exige cuidado, pois é alergênico a muitas pessoas.

Óleo de Gergelim: contêm aproximadamente 41% de ácido linoléico, 39% de ácido oléico, 9% de ácido palmítico e 5% de ácido esteárico, além de vitaminas A, B e E. É empregado na hidratação e proteção da pele. A vitamina E é um antioxidante natural, o que retarda o envelhecimento da pele. Possui aminoácidos e cálcio. Não deve ser utilizado puro sobre a pele – o ideal é combiná-lo com outros óleos carreadores – nem incluir mais do que 10% do mesmo. É recomendado para pessoas de pele normal, para tratar de problemas como reumatismos, artrites, eczemas e psoríases.

Óleo de Canola: o óleo de canola é extraído das sementes da colza, planta da família da mostarda. É bastante rico em ácidos graxos insaturados, tais como 60% de ácido oléico, 22% de ácido linoléico, 10% de ácido linolênico e apenas 4% e 2% respectivamente de ácidos palmítico e esteárico, ambos saturados. Não há necessidade de combinação com outros agentes carreadores. Tem boa capacidade de higienização e ação leve sobre a pele.

Óleo de Cenoura: este óleo faz bem para a pele, pois é composto de beta-carotenóides, ácido graxo linoléico, tocoferóis e confere coloração alaranjada ao produto final. Há poucos trabalhos sobre a eficácia desse óleo, mas é sabido que tem efeito “semi-secante”. Não deve ser utilizado para fins alimentícios.

Óleo de Girassol: é bastante concentrado em ácidos graxos insaturados com cerca de 70% de ácido linoléico e 19% de ácido oléico, que possuem propriedades hidratantes e emolientes. O óleo de girassol pode ser utilizado sobre a pele, de preferência oleosa, sem estar misturado a outros óleos vegetais.

Óleo de Semente de Uva: é um dos mais concentrados em ácidos graxos poliinsaturados. A soma de ácidos oléicos e linoléicos pode ultrapassar os 95%. Até pouco tempo atrás, o óleo de uva era usado em dietas alimentícias especiais. Além de rico em insaturados, ele apresenta propriedades bastante interessantes do ponto de vista cosmético e alimentício: é macio, rapidamente absorvido pela pele, não sendo gorduroso ou pegajoso. O óleo de uva ajuda a balancear o pH da pele, além de ser hipoalergênico e rico em vitamina E e proantocianidinas, importantes agentes antioxidantes. Este óleo tem, por exemplo, 50% mais capacidade antioxidante que o óleo de gergelim. É recomendado para pelas sensíveis ou irritadas.

Óleo de Abacate: como creme de pele, este óleo ajuda a eliminar células mortas, aumenta a hidratação e diminui o envelhecimento. Ajuda em casos de psoríases. A sua concentração é 24% de ácido palmítico e 50% de ácido oléico, ou seja, praticamente não contém ácidos graxos poliinsaturados (o oléico é monoinsaturado e o palmítico é saturado). Não deve ser utilizado para fins alimentícios.

Azeite de Oliva: o azeite de oliva contém cerca de 85% de ácido oléico, 5% de linoléico, 7% de palmítico e 2% de esteárico, ou seja, cerca de 90% insaturado. É o principal óleo na culinária e provavelmente o veículo preferido para a diluição dos óleos essenciais destinados à ingestão. O azeite de oliva também ocupa uma posição de destaque em massagens, ajudando na hidratação e restauração da pele. Não deve ser utilizado puro. O ideal é combiná-lo com outros óleos carreadores, não incluindo mais do que 10% do mesmo. Seu uso é particularmente interessante para pessoas com pele seca.

Óleo de Soja: é rico em ácidos graxos insaturados, tais como 51% de ácido linoléico, 29% de oléico e 7% de linolênico. Pesado e altamente viscoso, é eficiente na higienização da pele, tendo ação leve, não-cáustica sobre a mesma. Pode ser utilizado sem estar combinado a outros óleos, porém o ideal é misturá-lo para diminuir o excesso de gordura e viscosidade.

Por fim, vale salientar que a proporção de óleo essencial adicionada ao óleo carreador costuma ser de 40 a 60 gotas para cada 100 ml, aproximadamente 2-3%. Mas estes valores podem variar de acordo com o caso, o que exige a orientação de um profissional antes de qualquer “aventura”.

Óleo Essencial de Pimenta Preta

A pimenta preta (Piper nigrum), também conhecida como pimenta do reino, é obtida a partir do fruto seco, colhido ainda verde. A planta é nativa da Índia, mas hoje é cultivada em diversos países, inclusive no Brasil. Historicamente, trata-se de uma especiaria bastante antiga que chegou a ser utilizada como moeda no subcontinente indiano. O óleo essencial de pimenta preta, constituído de elementos como pineno, limoneno, piperonal e felandreno, é um líquido incolor ou esverdeado cujo aroma é característico da pimenta. Ele possui odor fresco, amadeirado-seco e picante. É utilizado tanto na indústria alimentícia como na cosmética, sendo que a primeira prefere o emprego de óleos resinas, devido à sua pungência (característica responsável pelo sabor/odor picante). Inclusive a pungência, bem como o teor de óleo essencial, decresce com a maturação do fruto. Portanto, produtos obtidos de pimentas maduras apresentam menos pungência e menos óleo essencial.

O óleo essencial de pimenta preta é conhecido por suas propriedades antiflatulentes, diuréticas, antimicrobianas e inseticidas. Ele também estimula a circulação sanguínea e a propagação de calor pelo corpo, assim como o óleo essencial de canela e gengibre.

(*) de acordo com alguns estudos, este óleo auxilia na redução da dependência do tabaco.
Não deve ser utilizado por mulheres grávidas e pessoas hipertensas!

Pandit José de Abreu engordou muito

Lí na Revista Veja (Edição 2116, 10/06/2009, página 63) onde o ator José de Abreu, que interpreta em Caminho das Índias o papel do sacerdote e astrólogo Pandit, além de responder várias perguntas sobre a novela, disse estar muito assustado com o tamanho do seu próprio barrigão.


Realmente, o Pandit tem toda razão!!! :-D

Página 1 de 212